Como conseguir um trabalho temporário nos Estados Unidos?

Ter uma experiência profissional no exterior no currículo com certeza é um grande diferencial. Em um mercado tão competitivo, as experiências enriquecem e valorizam o candidato. Por isso, trabalhar fora do Brasil se tornou um sonho para muitos brasileiros.

Um dos destinos mais procurados é os Estados Unidos da América (EUA). Contudo, não é preciso passar longos períodos fora do Brasil, pois um trabalho temporário nos Estados Unidos proporciona essa oportunidade e permite voltar para casa em pouco tempo.

Deseja saber como conseguir uma oportunidade profissional legalmente nos EUA? Continue a leitura!

O que é preciso para trabalhar legalmente nos Estados Unidos de forma temporária?

Provavelmente, já passou pela sua cabeça a ideia de trabalhar fora do Brasil, especialmente nos Estados Unidos, não é mesmo? Afinal, continuamos seduzidos pelo sonho americano e pelas grandes oportunidades que o país oferece aos imigrantes.

Por sua vez, seja por buscarem um caminho menos burocrático, seja por desconhecerem as possibilidades legais de trabalho no país, muitas pessoas acabam trabalhando de forma ilegal. Contudo, essa é, de longe, a pior opção.

Quem trabalha ilegalmente nos EUA não tem nenhuma garantia de que o empregador pagará pelos serviços prestados. Além disso, o risco de ser deportado é constante. Desse modo, aplicar para um visto de trabalho é a maneira mais segura de trabalhar legalmente nos EUA.

Para você conseguir um visto de trabalho, é preciso ter um empregador americano (Sponsor). Ele é responsável por solicitar a autorização perante o Serviço de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos (USCIS); somente após aprovação do USCIS, o imigrante poderá aplicar para o visto.

Para quem ainda não tem uma proposta de trabalho, é possível buscar à distância, acompanhando anúncios de vagas em sites de empregos (como LinkedIn e Glassdoor), ou agências especializadas.

É possível trabalhar com visto de turista?

Muitas pessoas pensam em entrar no país com visto de turista para buscar um trabalho, por isso essa é uma pergunta muito comum. Vamos direito ao ponto: a resposta é não!

Esse é um caso em que a probabilidade de deportação é bastante alta. No entanto, nada impede que, estando em visita ao país, na condição de turista, a pessoa receba uma proposta de trabalho. Nesse caso, é possível alterar a modalidade junto ao USCIS.

Qual é o visto solicitado?

Para trabalhar de forma temporária nos Estados Unidos é preciso ter um visto de trabalho, criado para atender a demanda por mão de obra específica para determinadas atividades. Tal categoria engloba diferentes tipos. Conheça mais sobre alguns deles a seguir!

Visto H-1B

Criado para a ocupação de especialista, o tipo H-1B é indicado para quem é contratado para desempenhar função de alto nível de especialidade em uma empresa americana. Por isso, é exigido que o aplicante tenha formação universitária ou formação profissional com habilidades diferenciadas e conhecimentos especializados na sua área de atuação.

Visto H-2A

Criado para a ocupação de trabalhador rural temporário, o tipo H-2A é indicado para trabalhadores que atuarão em áreas rurais com escassez de mão de obra. Nesse sentido, o empregador precisa comprovar junto ao governo americano que só recorreu à contratação de estrangeiro pela falta de trabalhadores locais.

Visto H-2B

Criado para a ocupação de trabalho temporário/sazonal, o tipo H-2B é voltado para profissionais contratados para preencher funções com falta de trabalhadores nos EUA. Assim sendo, a empresa precisa comprovar a necessidade de contratar um trabalhador estrangeiro.

Visto H-3

Criado para trainee ou estágio, o tipo H-3 é indicado para programas específicos de treinamento profissional. Embora a área de treinamento não precise estar relacionada à graduação do aplicante, a instituição formadora precisa garantir ao USCIS que a vaga não funciona como um emprego.

Existem outras categorias de visto que também permitem o exercício de atividades relacionadas a trabalho tais como, visto para Empregados Domésticos (B-1), visto para Au Pair e Summer Work and Travel (J-1), Transferências Intracompanhias (J-1), Trabalhador Religioso (R-1), entre outros.

Como tirar esse documento?

Independentemente do tipo de visto, o processo de obtenção inicia pela empresa contratante, que deve protocolar uma petição junto ao USCIS requerendo a aprovação do governo para a contratação. Somente após a aprovação é possível emitir o visto.

Entretanto, cada processo tem pequenas particularidades, o que torna essencial contar com o apoio de especialistas em migração. A título de exemplo, abaixo confira os passos mais comuns para obtenção do visto de trabalho após autorização pelo USCIS:

  • solicitação de visto via formulário;
  • pagamento de taxa;
  • agendamento de etapas presenciais (CASV e Consulado ou Embaixada);
  • entrega de documentos físicos e entrevista;
  • coleta ou envio do passaporte com o visto estampado.

Por quanto tempo é possível trabalhar de forma temporária nos EUA?

De modo geral, os vistos de trabalho temporário são concedidos pelo período de um ano, podendo ser prorrogados por até três anos. Importante destacar que as solicitações de prorrogação devem ser feitas antes da data de vencimento.

Um ponto positivo é que o trabalhador pode permanecer nos EUA durante o processo de prorrogação. Entretanto, caso retorne ao país de origem, é preciso solicitar novo visto para reingressar em solo americano.

É possível levar a família?

Como vimos, apesar de temporário, esse modelo de trabalho pode chegar a três anos dependendo do caso. Isso é bastante tempo para ficar longe da família, por isso uma dúvida comum é se o visto de trabalho autoriza a entrada e permanência dos familiares no país. A resposta é sim!

Desse modo, um profissional com visto de trabalho temporário pode imigrar com cônjuge e filhos solteiros menores de 21 anos. Porém, é importante esclarecer que a autorização de trabalho não é extensiva aos membros da família.

O que mudou em 2021 com relação aos vistos de trabalho temporário?

Depois de um longo período de fronteiras fechadas e poucas oportunidades para estrangeiros, o ano de 2021 começou com um novo Plano de Imigração que, entre outras medidas, propõe aumentar o número de vistos concedidos para imigração baseada em empregos.

Com base nesse novo cenário, em maio de 2021, o Departamento de Trabalho e o Departamento de Segurança Interna dos EUA determinaram um aumento de 22 mil vistos até o final de 2021. Tal medida tem como objetivo garantir às empresas americanas os recursos necessários para sua recuperação econômica.

Viu como é possível conseguir trabalho temporário nos Estados Unidos? Se você deseja dar esse passo em sua carreira, saiba que antes de aplicar para qualquer emprego é preciso ter um passaporte válido. Além disso, é recomendado procurar suporte de empresas especializadas, que podem oferecer o apoio necessário e evitar alguns erros durante o processo.

Gostou do nosso conteúdo? Para continuar se informando sobre o assunto, siga nossos perfis nas redes sociais. Estamos no LinkedIn, Facebook e Instagram!

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

I accept the Terms and Conditions and the Privacy Policy

Fale com um
Especialista em Global Mobility